Segunda-feira, Maio 20, 2024
InícioCríticasUncategorizedWim Wenders: "tenho muito orgulho em receber um prémio que se chama...

Wim Wenders: “tenho muito orgulho em receber um prémio que se chama Lumière”

Os receber o galardão, o cineasta alemão foi aplaudido em Lyon, como se fosse uma estrela rock.

O cineasta alemão, vencedor da Palma de Ouro, de Cannes, em 1984, pelo filme Paris Texas, recebeu no passado dia 20, o 15º Prémio Lumière. Obrigado amigo Wim Wenders!

Ao receber o prestigiado galardão, ao lado da mulher Donata Wenders, e diante de uma standing ovation, eventualmente, o ‘amigo Wim Wenders’ terá pensado que aquele seria mesmo um ‘dia perfeito’. E, tal como no momento musical do seu filme com esse título, musicado pelo tema musical de Lou Reed, apetece acrescentar que “ficamos contentes de o ter passado contigo”.

Antes ainda, Wenders receberia o elogio de diversos notáveis e amigos, como Irène Jacob, a actriz e Presidente do Festival Lumière, o realizador Alfonso Cuarón, o ator Rüdiger Vogler ou o escritor Peter Handke. Talvez algo que possa ser sintetizado nestas palavras: “O Wim oferece-nos uma visão do presente, ainda capaz de um gesto de criação no meio de um mundo confuso. Obrigado, amigo Wim Wenders!”

“Tenho muito orgulho de receber um prémio chamado Lumière”, referiu o cineasta no seu discurso de agradecimento. “Já obtive outros prémios na minha vida, mas este é diferente, é o prémio do cinema. Isso não significa que uma Palma de Ouro não seja importante. Mas o Prémio Lumière é único e tenho um enorme orgulho nele”

Antes ainda, Wim visitou uma das suas exposições fotográficas patentes em Lyon. No final, a cerimónia foi coroada com música em ritmo salsa, interpretada pela banda Colectivo Caliente. Sim, foi mesmo Perfeito.

RELATED ARTICLES

Mais populares